Menu Central

Propaganda Monumenta

quarta-feira, 14 de julho de 2010

F.I.N ( Funeral Inconscientemente Natural) - 1st LP - La Esperanza que Nunca se Pierde... Es la de Morir (CHI) Review

 
Ano/ Year: Gravado em 2007 à 2008 e produzido em Maio de 2010
Gênero(s)/Genre(s): Atmosphere Funeral Doom/Posmodernist Doom
Origem/Origin:Santiago, Região Metropolitana (Capital)
Contatos do projeto/Contacts of the project: Myspace/Site
 
 
Há alguns dias chegou até mim o envelope com a minha cópia de “La EZPERANZA que NUNCA se PIERDE... ES La de MORIR”... Disco do grande projeto chileno F I N (Funeral Inconscientemente Natural) que já foi apresentado nestas páginas em outros trabalhos.
Em primeiro lugar se trata de uma material fisicamente muito bem produzido pela Sabbathid Records do Japão, um belo encarte traz as palavras de cada faixa, distribuídas em suas páginas letras agonizantes, clamores de uma solidão profunda... De uma triteza que nos toca e nos acaricia nos convidando a nos deitar no nada...
 
 
 
Então vamos ao disco... Em sua primeira faixa “La EZPERANZA...” distância... Essa é a palavra, solidão, angustia... Este disco é nocivo a mentes depressivas, é um convite a morte... Os sussurros vão acabando e dando lugar a gotas de chuva que caem do nada em sua segunda faixa “...The never gets lost” que aos poucos vão sendo cortados por lâminas orquestrais, uma fúria contra si mesmo toma seus ouvidos, um apelo aos seus aspectos mais sensíveis...
Um obscuro conto da morte começa nos primeiros acordes de “...C’est Celle-là de Mourir” este é  o track mais longo do disco com mais de 30 minutos em um som diferentes dos outros do disco, aqui algo de maligno serpenteia por entre os ruídos e acordes, é um som mais denso e complexo, algo como a própria agonia de morrer.
Mas quando chegamos ao final... Fuck!!! Uma faixa ao vivo!!! Realmente incrível!!!
Lagrimas e dor em La Marcha de Diciembre!!! Você ouve todo o disco e no final se tem uma execução ao vivo de algo experimental e ambiente! Puro funeral! Puro Funeral! Uma faixa muito bem executada em um grande festival chileno de aborto a vida!!!
Um grande projeto! Um grande disco! Monumental!
De fato a vida é um Funeral Inconscientemente Natural...

 
 
 
Agradecimentos especiais a Alexis Brantes e a Sabbathid Records por nos presentear com essa morta obra em forma de música.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...